Brasil vai pegar dois times europeus

Brasil vai pegar dois times europeus Divulgação/Giovanni Kleinübing/CBB

O sorteio dos grupos do Mundial de Basquete, que acontecerá este ano na China, não foi dos melhores para a seleção brasileira. A cerimônia realizada neste sábado, em Shenzhen, reservou uma chave complicada para os comandados de Aleksandar Petrovic para a competição que acontecerá do dia 31 de agosto a 15 de setembro.

Leia mais: Basquete do São Paulo perde em 1º encontro com torcida no Morumbi

Se não terá como adversário na primeira fase as grandes potências do basquete na atualidade, como Estados Unidos, Espanha, Sérvia ou França, o Brasil terá de encarar dois europeus. A seleção caiu no Grupo F do torneio, que será disputado na cidade de Nanquim, ao lado de Grécia, Nova Zelândia e Montenegro.

A principal força da chave é sua cabeça de chave, a Grécia, país que tem muita tradição no basquete. Vice-campeã em 2006, quando caiu para a Espanha, a equipe pode se tornar uma das candidatas ao título na China se Giannis Antetokounmpo, um dos principais nomes da NBA, disputar o Mundial.

Leia mais: Há 60 anos, basquete brasileiro igualava futebol e ganhava Mundial

Diante da força da Grécia, o Brasil deve lutar pela segunda vaga da chave à fase seguinte do torneio e terá Montenegro como principal adversário nesta tarefa. A equipe europeia é herdeira da escola iugoslava de basquete e pode ficar ainda mais forte se tiver a presença do pivô Nikola Vucevic, destaque do Orlando Magic na temporada da NBA.

Em teoria, o time mais fraco da chave é a Nova Zelândia, mas a equipe da Oceania também tem tradição em Mundiais – chegou a ser quarta colocada em 2002, em Indianápolis – e pode ganhar força se contar com seu principal jogador na NBA, o pivô Steven Adams, do Oklahoma City Thunder.

Favoritos ao título, os atuais bicampeões Estados Unidos estão no Grupo E, ao lado de Turquia, República Checa e Japão. Já a Espanha, campeã em 2006, pegará na primeira fase Irã, Porto Rico e Tunísia, na chave C.

Os dois primeiros colocados de cada grupo vão se classificar para a segunda fase do Mundial, na qual os 16 times restantes serão divididos novamente em quatro chaves. Mais uma vez, classificam-se os dois primeiros colocados de cada grupo para a fase de quartas de final. O torneio dá sete vagas diretas à Olimpíada de Tóquio, em 2020, além de outras 16 para o Pré-Olímpico Mundial.

Confira os grupos do Mundial de Basquete:

Grupo A – Costa do Marfim, Polônia, Venezuela e China

Grupo B – Rússia, Argentina, Coreia do Sul e Nigéria

Grupo C – Espanha, Irã, Porto Rico e Tunísia

Grupo D – Angola, Filipinas, Itália e Sérvia

Grupo E – Turquia, República Checa, Estados Unidos e Japão

Grupo F – Grécia, Nova Zelândia, Brasil e Montenegro

Grupo G – República Dominicana, França, Alemanha e Jordânia

Grupo H – Canadá, Senegal, Lituânia e Austrália


Fonte: R7

Comentários Facebook
https://i1.wp.com/noticias.conexaocorbelia.com/cnx-crbx/uploads/2019/03/brasil-cai-em-grupo-de-grecia-e-nova-zelandia-no-mundial-de-basquete.jpg?fit=460%2C305https://i1.wp.com/noticias.conexaocorbelia.com/cnx-crbx/uploads/2019/03/brasil-cai-em-grupo-de-grecia-e-nova-zelandia-no-mundial-de-basquete.jpg?resize=150%2C150Notícias FutebolFutebolBrasil vai pegar dois times europeus Divulgação/Giovanni Kleinübing/CBB O sorteio dos grupos do Mundial de Basquete, que acontecerá este ano na China, não foi dos melhores para a seleção brasileira. A cerimônia realizada neste sábado, em Shenzhen, reservou...Dicas, curiosidades, entretenimento, notícias e tudo sobre Corbélia e região