Primando pela paciência e pela insistência, o Athetico teve muita dificuldade, mas conseguiu superar o Tolima na noite dessa terça-feira (9) pela quarta rodada no Grupo G da Copa Libertadores.

Leia mais: Athletico Paranaense goleia o Boca. Orgulha o futebol brasileiro

O resultado fez com que o Furacão abrisse boa vantagem na liderança da chave com nove pontos, cinco a mais do que o Boca Juniors que vai a campo nessa quarta (10) contra o Jorge Wilstermann. Por sua vez, o Tolima segue com quatro unidades e fica na torcida por um “tropeço” principalmente da equipe argentina para seguir colado na zona de classificação as oitavas de final.

CONTROLE DO JOGO, MAS…

Desde o início da partida, a posse de bola e posicionamento em campo mais organizado fazia com que o Furacão tivesse mais tempo o controle territorial do jogo ao mesmo tempo que, por parte dos colombianos, a postura era de se manter mais recuado e tentando encontrar espaços para contra-ataques nas costas da defesa paranaense.

Apesar disso, o time de Tiago Nunes teve dificuldade para infiltrar de maneira mais aguda, não conseguindo efetivamente transformar em chances reais de gol as oportunidades que rondava a área do time da Colômbia.

ESCAPADA PONTUAL

Aos 41 minutos, a defesa do time brasileiro cometeu seu único equívoco onde, em cruzamento vindo do lado esquerdo do ataque, Luis González parecia receber livre de marcação próximo a pequena área do arqueiro Santos. Todavia, o meia venezuelano teve dificuldade para dominar e a bola saiu pela linha de fundo.

CHEGOU CHEGANDO…

Depois de muito rodar a bola e buscar a melhor opção de passe, o Athletico chegou pela primeira vez com real perigo a meta de Aléxis Montero quando Nikão cruzou muito bem e Renan Lodi chegou batendo de primeira para ótima intervenção do goleiro colombiano onde a bola ainda bateu na trave. No rebote, o Furacão reclamou bastante de um possível pênalti onde Tomás Andrade teria sido derrubado dentro da área por Sergio Mosquera.

… POR DUAS VEZES SEGUIDAS

Um minuto depois, os anfitriões encontraram novamente uma “brecha” na marcação adversária com Marco Rubén tocando muito bem para Rony que entrou na área, driblou o goleiro e acabou perdendo ângulo na hora de finalizar. Mesmo assim, mandou na rede pelo lado de fora e assustou o torcedor do Tolima.

NERVOSISMO VISÍVEL

Sem conseguir furar o bloqueio dos Pijaos, o Athletico dava sinais de afobação em diversas trocas de passe e até mesmo nas cobranças de escanteio que, antes venenosas, começaram a ficar cada vez de corte mais simples para o time adversário.

Leia mais: ‘Agora é a hora do protagonismo’, afirma diretor do Athletico-PR

UFA!!!

Uma opção que foi pouco explorada durante praticamente todo o jogo, foi chutando de fora da área que o Furacão finalmente conseguiu o que tanto queria. Aos 33 minutos, o meio-campista Bruno Guimarães bateu forte e contou com um leve desvio na zaga para enganar Montero e soltar o grito do torcedor na Arena da Baixada.

E PODIA SER MAIS

Antes do término da partida, Rony, bastante disciplinado na função de ajudar na marcação pelo lado onde também atua Renan Lodi, teve a sua chance lá na frente de ampliar. Depois de cortar por duas vezes a marcação, ele bateu firme e viu Montero cair bem para espalmar a bola rumo a linha de fundo.

FICHA TÉCNICA
ATHLETICO 1 X 0 TOLIMA

Local: Arena da Baixada, Curitiba (PR)
Data-Hora: 09/04/2019 – 19h15
Público: 20.066
​Árbitros: Jesus Valenzuela (VEN)
Assistentes: Luis Murillo e Carlos López (ambos VEN)
Cartões amarelos: Santos (ATH); Castrillón, Vásquez, Carrascal, Pérez (TOL)
​Cartões vermelhos:
​Gol: Bruno Guimarães (33’/2°T) (1-0)

ATHLETICO: Santos; Jonathan, Thiago Heleno, Léo Pereira e Renan Lodi; Camacho, Bruno Guimarães e Lucho González (Tomás Andrade, no intervalo); Nikão (Marcelo Cirino, aos 22’/2°T), Rony e Marco Ruben (Paulo André, aos 44’/2°T).​ Técnico: Tiago Nunes.

TOLIMA: Álvaro Montero; Nilson Castrillón, Sergio Mosquera, Julián Quiñones e Leyvin Balanta (Juan Pablo Vargas, aos 15’/2°T); Yeison Gordillo (Diego Valdéz, aos 36’/2°T), Rafael Carrascal, Larry Vásquez (Carlos Robles, aos 20’/2°T) e Luis González; Alex Castro e Marco Pérez. Técnico: Alberto Gameiro.

 

 

 

Athletico x Tolima

Athletico x Tolima Lance
Athletico x Tolima

Athletico x Tolima Lance
Athletico x Tolima

Athletico x Tolima Lance
Athletico x Tolima

Athletico x Tolima Lance

 

 

 


Fonte: R7

Comentários Facebook
https://i2.wp.com/noticias.conexaocorbelia.com/cnx-crbx/uploads/2019/04/athletico-insiste-vence-tolima-e-emenda-3a-vitoria-seguida-na-liberta.jpg?fit=660%2C360https://i2.wp.com/noticias.conexaocorbelia.com/cnx-crbx/uploads/2019/04/athletico-insiste-vence-tolima-e-emenda-3a-vitoria-seguida-na-liberta.jpg?resize=150%2C150Notícias FutebolFutebolPrimando pela paciência e pela insistência, o Athetico teve muita dificuldade, mas conseguiu superar o Tolima na noite dessa terça-feira (9) pela quarta rodada no Grupo G da Copa Libertadores. Leia mais: Athletico Paranaense goleia o Boca. Orgulha o futebol brasileiro O resultado fez com que...Dicas, curiosidades, entretenimento, notícias e tudo sobre Corbélia e região