Ele se destacou em coberturas esportivas atuando como narrador e comentarista; morte ocorreu em decorrência de uma parada cardíaca, na manhã quarta-feira (27), segundo a família. Jornalista Airton Cordeiro morre aos 77 anos, em Curitiba Arquivo/Memórias Paraná O jornalista, radialista e advogado Airton Ravaglio Cordeiro morreu em decorrência de uma parada cardíaca, na manhã quarta-feira (27), aos 77 anos, em Curitiba. “Só tenho coisas maravilhosas para falar do meu pai. Tenho certeza que faltariam folhas para tanta gratidão. Nenhuma palavra é suficiente nesse momento. Agradecemos todo o carinho que estamos recebendo”, disse a filha Andreia Cordeiro Juvenal.
Segundo ela, o pai estava internado havia cerca de um mês. Cordeiro era viúvo, deixou três filhos e três netos. O horário e o local do velório ainda não foram divulgados pela família.
Carreira
Cordeiro iniciou a carreira no rádio atuando em transmissões esportivas. Ao longo do tempo foi narrador, comentarista e executivo, trabalhando em várias emissoras da capital paranaense, entre elas Rádio Clube e Central Brasileira de Notícias (CBN) Curitiba.
Posteriormente, Airton Cordeiro começou a trabalhar, paralelamente, em emissoras de televisão e jornais.
Na década de 60, passou a fazer transmissões esportivas na afiliada paranaense da TV Globo, a atual Rede Paranaense de Comunicação (RPC) e, na década de 70, foi editor do caderno de esportes do jornal Gazeta do Povo. Na carreira, também foi editor do Diário do Paraná e comentarista político na TV Iguaçu.
Filho de Benjamin Pinto Cordeiro e de Irene Ravaglio Cordeiro, Airton Cordeiro se formou como Bacharel em Direito pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), em 1970.
Ainda na década de 70, Cordeiro entrou na política e foi vereador de Curitiba e deputado estadual, exercendo dois mandatos consecutivos na Assembléia Legislativa do Paraná (Alep). Ele também foi deputado federal e participou da elaboração da Constituição brasileira, em 1988.
Veja mais notícias do estado no G1 Paraná.

Fonte: G1

https://i0.wp.com/noticias.conexaocorbelia.com/cnx-crbx/uploads/2019/11/jornalista-airton-cordeiro-morre-aos-77-anos-em-curitiba.jpg?fit=1024%2C690&ssl=1https://i0.wp.com/noticias.conexaocorbelia.com/cnx-crbx/uploads/2019/11/jornalista-airton-cordeiro-morre-aos-77-anos-em-curitiba.jpg?resize=150%2C150&ssl=1Conexão CorbéliaParanáEle se destacou em coberturas esportivas atuando como narrador e comentarista; morte ocorreu em decorrência de uma parada cardíaca, na manhã quarta-feira (27), segundo a família. Jornalista Airton Cordeiro morre aos 77 anos, em Curitiba Arquivo/Memórias Paraná O jornalista, radialista e advogado Airton Ravaglio Cordeiro morreu em...Dicas, curiosidades, entretenimento, notícias e tudo sobre Corbélia e região