O empate por 1 a 1 fora de casa contra o Bahia não foi suficiente para que o Atlético-MG se distanciasse de forma segura da zona do rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Após a partida, o meia Marquinhos expressou o sentimento do elenco, que tenta afastar qualquer risco de queda nas rodadas finais.

“Não foi o resultado ideal, mas conseguimos ao menos um ponto aqui. Sabemos da qualidade do Bahia, que é um adversário qualificado, e não seria um jogo fácil. Agora temos que voltar para Belo Horizonte e trabalhar muito porque ainda tem muita coisa para melhorar nesse final de campeonato”, disse o jovem jogador, que foi utilizado como titular mais uma vez pelo técnico Vagner Mancini.

Marquinhos lamentou o fato de o Atlético ter deixado a vitória escapar, sofrendo um gol na etapa final, pouco depois de ter aberto o placar com Cazares, que arrancou sozinho, deu um corte seco em Juninho e tocou na saída do goleiro Douglas.

“O segundo tempo ficou lá e cá e isso fez nosso time cansar um pouco. Futebol é isso aí mesmo, tem que defender com dez e atacar com dez. Tirando o goleiro, todos ajudam em todas as posições. Demos nosso máximo, mas acabamos sofrendo esse empate”, disse.

Com 42 pontos, o Atlético tem seis a mais do que o Cruzeiro, primeiro time dentro da zona da degola. No entanto, o rival ainda joga na quinta-feira, no Mineirão, contra o CSA.


Fonte: R7

Notícias FutebolFutebolO empate por 1 a 1 fora de casa contra o Bahia não foi suficiente para que o Atlético-MG se distanciasse de forma segura da zona do rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Após a partida, o meia Marquinhos expressou o sentimento do elenco, que tenta afastar qualquer risco de queda...Dicas, curiosidades, entretenimento, notícias e tudo sobre Corbélia e região